Miami: o que fazer, onde comer e onde se hospedar

Veja onde se hospedar em Miami e o que fazer na cidade. Conheça Miami Beach, o descolado Brickell, a famosa Ocean Drive, entre outros.
Renata Assunção

Viajando pelo mundo com apenas uma mala, não somos assim as melhores referências para o quesito “compras”. Passamos meses revezando dois tênis e duas calças jeans e já percebemos que não precisamos de muito mais que isso para termos conforto e sermos bastante felizes em nossas viagens. Portanto, não espere deste blog dicas de outlets de Miami. Mas vamos compensar esta ‘falta’ com muitas outras opções para curtir a cidade. Veja neste post o que fazer, onde comer e onde se hospedar em Miami.   

Onde se hospedar – Miami: O que fazer

Nós alugamos um apartamento no Miami Design District e gostamos muito. Ele é bem espaçoso e confortável, os funcionários do flat são super atenciosos e estavam sempre dispostos a ajudar. Porém, a região de Miami Design District é uma área ainda sem muita coisa para se fazer a pé e sem grande variedade de opções gastronômicas. Por conta disso, nós recomendamos buscar hotéis ou apartamentos em Miami Beach ou Brickell, que são regiões mais animadas e com uma diversidade incrível de restaurantes e lazer. Mas, se você estiver de carro, este apartamento que nós alugarmos pode ser uma boa opção de hospedagem. Para ver mais fotos e preço, clique AQUI.

Piscina do prédio em Miami
Área externa do condomínio, piscina com vista.
Sala com sofá, mesa, cadeiras e abajur
Sala do apartamento que alugamos
Sala e cozinha de apartamento em Miami
Cozinha americana com máquina de lavar roupas e secar
Cama de apartamento em Miami
Cama do apartamento de um quarto

Transporte – Miami: O que fazer

Além de não sermos fãs de outlets e compras, quebramos mais um paradigma de Miami: não alugamos carro. A cidade, que é tão famosa por seus conversíveis desfilando pelas ruas, também é bastante amigável para aqueles que preferem não dirigir. Nós fizemos tudo de Uber e táxi e deu super certo. Primeiro é importante lembrar que achar estacionamento é tarefa complicada em Miami. Por isso, para quem preferir mesmo usar carro, a dica é baixar o aplicativo ParkingPanda. Nele você já consegue ver onde tem vaga e já pode até fazer uma reserva. Bom, isso foi o que ficamos sabendo, mas não utilizamos para poder contar nossa experiência. O que podemos dizer é que tem Uber na cidade inteira, eles chegam super rápido e os carros são bons. Além de ter sido uma opção mais barata, foi mais confortável, prático e ficamos à vontade para poder beber sem preocupações.

Miami: O que fazer

Wynwood – galerias de arte e bares

Obra do artista brasileiro Kobra
Fernando visitando uma galeria de arte

Esta é uma região super descolada da cidade, cheia de galerias de arte, bares diferentes e vida cultural. Nos muros do bairro vemos grafites de artistas renomados, entre eles o brasileiro Eduardo Kobra. No segundo sábado do mês, acontece a Wynwood Art Walk, em que as galerias ficam abertas até mais tarde e as ruas ficam super movimentadas.

Bayside Marketplace – Passeios de barco e shopping

Casal se abraçando em Miami
Shopping Bayside Marketplace
 

Um shopping aberto onde fica a marina de onde saem passeios de barco por Miami. A maioria dos passeios são coletivos, mas lá no finalzinho do cais tem uma empresa que aluga barcos e faz passeios privados. Nós ficamos animados para fazer este passeio, mas choveu no dia e acabamos desistindo. Para mais informações sobre o passeio, veja o site oficial AQUI.

South Pointe Park – Miami: O que fazer

Casal se abraçando no South Pointe Park em Miami
Casal de idosos olhando o mar no South Pointe Park em Miami
Mulher com vestido de flores e tênis branco em Miami

Um parque ao sul de Miami Beach com uma vista maravilhosa para o mar. Ótimo para fazer caminhadas, levar crianças para brincar, fazer piqueniques ou curtir um super pôr do sol. Os restaurantes da região também são ótimos.

Lincoln Road – Rua de compras fechada para os carros

Casal se abraçando na Lincoln Road, em Miami

Rua cheia de lojas que os brasileiros adoram. A gente fugiu dos outlets, mas acabou indo passear na Lincoln Road. É uma rua fechada para o trânsito de carros, então os pedestres andam tranquilamente. Nos lembrou as ramblas de Barcelona, com restaurantes com mesinhas na calçada. E, apesar de ser um ponto turístico, almoçamos super bem. Para ver onde comer em Miami, clique AQUI.

Ocean Drive – Miami: O que fazer

Rua com prédio art deco em Miami

A famosa rua na beira da praia de Miami Beach que tem vários prédios no estilo Art Déco, é um lugar legal para dar um passeio antes de repousar os pés na areia. Tem muitos bares também, mas são bem turísticos, vale mais para tomar um drinque e ver o movimento.

Miami Beach – a praia mais famosa da cidade

Casal na praia bebendo uns drinques  em Miami Beach
Casal se abraçando na praia

Ficamos um pouco decepcionados com Miami Beach. No nosso Nordeste brasileiro temos águas mais quentes, mares mais azuis e atendimento de primeira. Mas, vá lá, já que estamos aqui, vamos aproveitar um dia de praia.  Nós ficamos na altura da rua 2, no Bentley Beach Club. Como eles também possuem um restaurante, eles conseguem vender bebida alcoólica na areia. Nos quiosques comuns elas não são vendidas. Apesar de existir uma lei que proíbe o consumo de álcool na praia, vimos muitos turistas levando cervejas em seus próprios coolers. Lá no Bentley você aluga cadeira e guarda-sol, mas prepare-se para pagar bem mais do que estamos acostumados nas praias brasileiras.

Fort Lauderdale – Bate e volta de Miami

Mulher na praia de Miami Beach
Casal na praia de Miami Beach

Uma opção de bate e volta de Miami é conhecer a cidade de Fort Lauderdale. Hoje em dia ela é destino de muitos turistas que preferem ficar lá ao invés de ir para Miami Beach. Nós fomos de uber e, como saímos fora do horário de rush, chegamos em 45 minutos. A orla é cheia de barzinhos e lojas. A extensão de areia é grande e tem salva vidas ao longo de toda praia. Como estávamos num dia de tempo meio fechado, resolvemos só passear. A cidade tem boas opções de restaurantes, mas a maioria deles só serve pequenos lanches no almoço. Os cardápios completos, só na hora do jantar. 

Brickell – Miami: O que fazer

Brickel: bairro cheio de restaurantes e baladas.
Prédios altos e flores por todo caminho

Esta foi nossa região preferida em Miami. Adoramos esse conjunto de prédios altos e modernos na beira mar com jardim e flores em todos os cantos. Some-se a isso limpeza, organização e segurança. A região, que fica ao lado de Downtown, é conhecida também por ser o distrito financeiro de Miami. É atualmente o destino mais procurado por quem quer morar na cidade. A vida noturna também é bem intensa por aqui. Brickell tem ótimas opções de restaurantes e algumas baladas famosas.

Posts que também podem te interessar:

Roteiro de 2 dias em Washington DC

Nova Iorque: 10 pontos imperdíveis